O neoliberalismo autoritário e o levante popular chileno, por Nicolle Berti

O cenário de convulsão social chileno retrata uma crise generalizada e muito mais profunda do modelo neoliberal que se manifesta através de problemas estruturais que vem acumulando desde o período da redemocratização no país.

Os protestos sociais que eclodiram no Chile em resposta ao aumento da tarifa do metrô, protagonizados pelos estudantes secundaristas que convocaram evasões massivas em todas as estações de metrô da capital chilena, são uma expressão de um mal-estar generalizado e um descontentamento muito mais profundo da sociedade chilena acumulado durante 30 anos. A resposta do governo Piñera aos protestos sociais apoiados pela sociedade chilena se resumem à criminalização das manifestações, repressão aos manifestantes e uma escalada autoritária do Estado.

Artigo completo em: https://jornalggn.com.br/america-latina/o-neoliberalismo-autoritario-e-o-levante-popular-chileno-por-nicolle-berti/?fbclid=IwAR1AvRlquce4Yp3f7x7txBGq0eTSPSQ7z_xhgdyiRsfu0huljkNk5KFRQx0

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *